quinta-feira, 17 de janeiro de 2008

17 dias

2008 para mim inicia bem, me preparo para o concurso do INSS, aguardo o início dos trabalhos acadêmicos, fora outras coisas que não vou mencionar.
Mas decorridos 17 dias do ano eleitoral já se começa a fazer especulações à respeito de uma eleição que mais parece uma prévia das eleições de 2010. Armando Abílio troca ataques com Cícero Lucena Filho e diz que não apoiará uma eventual candidatura de Efraim Morais, este último parece decidido a disputar o governo do Estado. Falam numa chapa encabeçada por Ricardo Coutinho, Ney Suassuna e Cássio Cunha Lima [quem será o tecelão à cozer esta fronha de retalhos?], E o prefeito Venezeano? Terá ele espaço no PMDB para disputar a vaga no Palácio da Redenção? José Maranhão abrirá mão da Vaga? Quem viver, verá!
Mas estamos em 2008 ainda! Venezeano Vital embora venha fazendo uma boa administração há de enfrentar uma grande batalha, existem dois nomes de peso na ponta da agulha tucana Rômulo Gouveia e Ronaldo Cunha Lima. Eu sendo ele, colocaria minhas tranças de molho e pensaria nesta eleição com mais carinho.
Lembrando que todo este quadro pode se modificar caso o Governador seja cassado, tem gente batendo bombo.

quinta-feira, 10 de janeiro de 2008

2008

Inicia-se mais um ano e estamos com aquela obrigação moral de fazer melhor do que o ano que passado... É sempre assim, após o Reveillon do Campestre [onde aprendi que: Na dúvida, a namorada do Lutador de Jiu-Jistu é a bonitona que está lhe paquerando e que a luz apagada da Have é para que você não note o rosto feio dos participantes] fiz uma introspecção, tracei metas e estou me esforçando por cumpri-las, mas por que esperar um ano inteiro para fazer balanço?
Não entendo, só sei que o fim das férias acadêmicas se aproxima e os concursos e congressos vêm com tudo e temos que ser fortes, e ainda, contar com possíveis intermitências.
No fim deste ano veremos se o saldo foi positivo ou não, agora é pôr a mão na massa e ter o cuidado de se errar que não sejam os mesmos erros de 2007.